Mais
    InícioPublicidadeCausas SociaisLew'LaraTBWA transforma cartas de Natal em áudio narrado por pessoas com deficiência...

    Lew’Lara\TBWA transforma cartas de Natal em áudio narrado por pessoas com deficiência visual

    A ação tem como objetivo encontrar pessoas que possam adotar um "áudio de Natal" e realizar o desejo de um dos pacientes com deficiência visual da Fundação Dorina Nowill.

    Publicidade

    Uma das ações sociais mais comuns no Natal é adotar uma cartinha endereçada ao Papai Noel com o pedido do tão desejado presente de Natal. Contudo, devido a pandemia de coronavírus, muitas ações foram digitalizadas a fim de garantir a segurança da população. Sendo assim, a Fundação Dorina Nowill para Cegos aproveita o insight e a época para lançar o projeto “Adote um Áudio”, que substitui as a cartinhas escritas por áudios endereçados ao “Bom Velhinho” e permite que qualquer um seja o Papai Noel das pessoas cegas ou com baixa visão. A criação é da agência Lew’Lara\TBWA.

    Durante o mês de dezembro, o Instagram da Fundação Dorina, em parceria com a Lew’Lara\TBWA, se transforma num grande espaço de magia e solidariedade. No perfil da instituição, 15 histórias serão contadas em áudio, bem como os pedidos deste Natal, para serem adotados por quem quiser fazer uma boa ação nesse Natal. A ação visa incluir o público com deficiência visual. Confira um exemplo:

    Continua depois do anúncio

    Para participar e adotar um “áudio de Natal” basta acessar o Instagram da instituição e comentar o post com o áudio que deseja adotar e alguém entrará em contato via DM para combinar a compra e a entrega do presente. O contato via Instagram da Fundação conta com a ajuda da agência Live Content, especialista em Gestão de Redes Sociais.

    “O ano de 2020 foi atípico para nós. No entanto, a solidariedade nos mantém vivos e com esperanças de que 2021 seja um ano mais próspero e feliz”, afirma Alexandre Munck, da Fundação Dorina Nowill. A Fundação Dorina Nowill para Cegos realiza gratuitamente cerca de 38 mil atendimentos por ano, com trabalhos que incluem habilitação, reabilitação até cursos profissionalizantes para a inclusão no universo do trabalho. Contudo, devido a pandemia precisou se adequar transformando os atendimentos presenciais em atendimentos telefônicos ou online.

    Publicidade

    GKPB Em Vídeo

    Ouça nosso Podcast!

    Publicidade
    Publicidade

    Conecte-se

    64,492FãsCurtir
    110,213SeguidoresSeguir
    14,500InscritosInscrever

    Para Você

    Publicidade