Mais
    InícioGeekGamesGamers brasileiros jogaram mais durante a pandemia, indica PGB 2021

    Gamers brasileiros jogaram mais durante a pandemia, indica PGB 2021

    Pesquisa Game Brasil 2021 traz informações relevantes sobre o mercado consumidor gamer brasileiro. Saiba mais.

    Publicidade

    A Pesquisa Game Brasil é sempre uma boa fonte de conhecimento sobre o mercado consumidor gamer do país, reunindo dados interessantes sobre este universo ano a ano. Em 2021 a pesquisa chega em sua 8ª edição com um retrato do universo gamer já totalmente inserido dentro da nova realidade da pandemia. De acordo com o relatório, 75,8% dos gamers brasileiros afirmaram jogar mais durante o período de isolamento social.

    72% da população joga algum jogo eletrônico

    O estudo revelou que 72% da população do país afirama jogar jogos eletrônicos. A pandemia fez com que 51,5% dos jogadores realizassem ainda mais partidas online com amigos.

    Continua depois do anúncio

    Mais tempo jogando e mais investimentos.

    Se 75,8% dos gamers declaram que jogaram mais durante o período de pandemia, 60,9% do público afirma ter consumido mais conteúdos sobre games durante o período de isolamento social, enquanto 42,2% disseram ter investido mais dinheiro em jogos.

    Mulheres seguem sendo maioria

    Impulsionadas pela facilidade de jogar no smartphone, as mulheres são maioria do mercado gamer brasileiro. A 8ª edição confirmou a tendência histórica e o público feminino acabou ficando com 51,5% do mercado consumidor de jogos eletrônicos no país. Quando o assunto é smartphones, esse número fica ainda mais alto: 62,2% dos gamers que jogam no smartphone são mulheres.

    Continua depois do anúncio

    Ascenção de outras classes sociais

    Os smartphones também colaboraram para a Ascenção de outras classes sociais mais baixas no universo brasileiro dos games. Embora a principal classe social dos jogadores no Brasil seja a média-alta (B2), com 27,6%, é possível identificar uma ascensão das pessoas de classes sociais baixas e médias (C1, C2, D e E) entre o público gamer, representando quase metade dos consumidores de jogos no país (49,7%, na soma).

    Maioria de adultos e pardos ou pretos

    A PGB mapeou pela primeira vez a etnia dos jogadores brasileiros. Mais da metade do público se identificou como preto ou pardo (50,3%, na soma). Seguidos das pessoas que se identificaram como brancas (46%). Em relação à faixa etária, a maioria do público é adulta, com 22,5% possuindo entre 20 a 24 anos e 18,6% entre 24 e 29 anos.

    Continua depois do anúncio

    Duração de 1 a 3 horas

    A maioria dos entrevistados respondeu que suas sessões de games duram de 1 a 3 horas no console (31,3%). No PC a maior parte do público joga por até 1h (27,2%), mas há um destaque para a grande quantidade de pessoas (10,1%) que declararam jogar por mais de 6h. O mobile surpreende com a capacidade de retenção do jogador brasileiro, com 35% do público declarando que também joga de 1 a 3 horas. Outro fator interessante notado no estudo é que o público se declarou multiplataforma. Ou seja, joga em mais de uma plataforma diferente.

    Preferência pelos jogos “gratuitos”

    A maior parte do público que respondeu a PGB 2021 declarou que prefere os jogos gratuitos (45,4%). Entre os principais motivos desta preferência estão os altos preços dos jogos pagos também o medo do arrependimento.

    Continua depois do anúncio

    A maioria do público (33%) não investe nenhum valor de outra maneira com jogos, mas 32% gastam em moedas virtuais, 31,4% em itens de melhorias e 31,1% em expansões de jogos.

    Popularidade dos e-Sports e sucesso entre os filhos

    A pesquisa mostrou que 64,3% dos jogadores brasileiros já ouviram falar em e-Sports, enquanto 55,4% afirmam que jogam ou praticam alguma modalidade. Os pais que responderam as perguntas afirmaram em sua grande maioria (85,1%) que seus filhos jogam. Esse número representa crescimento de 6,4% em relação à última edição da pesquisa. 83,8% dos pais declararam que jogam junto com seus filhos.

    Continua depois do anúncio

    Pesquisa Game Brasil – PGB 2021

    Referência no estudo de hábitos de consumo do gamer brasileiro, a Pesquisa Game Brasil (PGB) existe desde 2013, e é desenvolvida e produzida através da parceria entre a Sioux Group, GoGamers, Blend New Research e ESPM.

    Toda a pesquisa é desenvolvida com questionários proprietários com uma ampla cobertura e tópicos que envolvem o público gamer e todo o seu ecossistema, no Brasil e na América Latina — em países chaves como Argentina, Chile, Colômbia e México. A GoGamers é a unidade de negócios responsável pelo desenvolvimento, produção e publicação da pesquisa anualmente.

    Continua depois do anúncio

    Para baixar a versão gratuita da pesquisa, saber mais sobre o assunto, ou consultar dados de edições anteriores, acesse o site da Pesquisa Game Brasil – PGB.

    Acompanhe novidades em tempo real. Siga nosso perfil no Instagram.

    Publicidade

    Ouça nosso Podcast!

    GKPB Em Vídeo

    Publicidade

    Publicidade

    Conecte-se

    64,661FãsCurtir
    107,084SeguidoresSeguir
    14,500InscritosInscrever

    Para Você

    Publicidade