Mais
    InícioAlimentos & BebidasFast-FoodBurger King agradece Procon em comercial do novo King Costela

    Burger King agradece Procon em comercial do novo King Costela

    Marca revive assunto após condenação ao pagamento de R$ 200 mil em multa por publicidade enganosa

    EM GKPB.COM .BR

    Publicidade

    O time de Comunicação e Marketing do Burger King é realmente muito inteligente (ou maluco, não sei exatamente). Isso porque apesar de algumas bolas fora nos últimos anos, a marca continua com uma comunicação pra lá de diferenciada, tocando em assuntos delicados com criatividade e irreverência. E dessa vez não foi diferente. Depois de ser condenado pelo Procon de SP a pagar R$ 200 mil por propaganda enganosa em seu sanduíche de costela que não tinha costela, a rede decidiu relançar o produto trazendo agora costela de verdade e com um agradecimento ao órgão.

    No filme do novo King Costela publicado nas redes sociais pela companhia, é possível ver o nome da Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor logo no início, em meio a uma imensidão de receptividade dos funcionários. A marca aproveita ainda para se colocar numa situação poucas vezes vista em uma comunicação não-obrigatória a respeito de uma condenação: revivendo o assunto e se demonstrando agradecida pelo aprendizado.

    “Querido Procon-SP, quando o nosso Whopper Costela foi cancelado, doeu. Mas hoje somos gratos. Se não fosse por você, não teríamos criado um sanduíche de costela, feito com costela desfiada, chutney de cebola e maionese de alho. O novo King Costela só existe graças a você. Valeu, Procon-SP!”, diz o vídeo. Confira.

    Entenda o caso

    Em 2022, após um escândalo envolvendo o McDonald’s e seu sanduíche de picanha que não levava o corte nobre, os consumidores saíram em uma caçada por marcas que anunciavam produtos que induziam o consumidor ao erro. No meio dessa caçada, estava o Whopper Costela. O sanduíche foi anunciado da mesma forma que outros itens já haviam sido comercializados por redes semelhantes, porém com o timing certo para a denúncia do Procon-SP.

    “O Procon-SP tem olhado com preocupação a publicidade de produtos alimentícios que destacam um determinado ingrediente que não faz parte da composição daquele produto ou que não tem o ingrediente na sua composição principal. Nesse caso específico do Burger King, o consumidor compra o sanduíche acreditando que irá ingerir a carne da costela, ou seja, o consumidor é levado a erro”, explicou Guilherme Farid, diretor executivo do Procon-SP, na época.

    Apesar da condenação, pode-se considerar a decisão uma vitória ao Burger King, pois de acordo com um comunicado publicado pela entidade no ano de 2022, a empresa poderia ser multada em até R$ 11,6 milhões de reais.

    - Publicidade -

    Últimos stories

    Campanha celebra a conexão da marca com os brasileiros, retratando a alegria e a leveza da brasilidade sendo levada pelas Havaianas aos Jogos Olímpicos

    Marca traz duas opções de produtos desenvolvidas para a mixologia de drinks alcoólicos e não alcoólicos

    Novidade chega para fazer parte da plataforma Pipoca Mais da rede Cinemark

    Rede apresenta duas opções de baldes colecionáveis inspirado nos personagens

    🔥 Em alta agora:

    Cinemark e Vigor criam combo de pipoca com queijo parmesão

    A Cinemark é uma das redes de cinema que mais surpreende os consumidores quando o assunto é novos sabores de combos de pipoca. Depois...

    🔥 Em alta agora:

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade

    Conecte-se

    62,700FãsCurtir
    153,000SeguidoresSeguir
    7,100SeguidoresSeguir
    50,000SeguidoresSeguir
    5,400SeguidoresSeguir
    16,800InscritosInscrever
    Publicidade