Mais
    InícioPublicidadeRedes SociaisAgência cria o primeiro mapa de influenciadores digitais maduros com mais de...

    Agência cria o primeiro mapa de influenciadores digitais maduros com mais de 50 anos

    O estudo foi baseado em 298 influenciadores digitais maduros que possuem, pelo menos, 3 mil seguidores e que produzem conteúdo consistente por mais de 6 meses.

    Publicidade

    O Silver Makers, spin-off da consultoria Hype 50+, acaba de lançar o primeiro estudo que mapeia os influenciadores digitais maduros com mais de 50 anos. A categoria é composta por cerca de 30 milhões de pessoas e que movimentam R$ 1,6 trilhão por ano. O estudo foi baseado em 298 influenciadores que possuem, pelo menos, 3 mil seguidores.

    Você pode não se deparar com eles, mas os influenciadores digitais maduros estão cada vez mais dividindo o espaço e atenção do público nas redes sociais. Com temática abrangente, esses influenciadores falam de tudo: hobbies, curiosidades sobre menopausa, cuidados com os netos, dicas de viagens e planejamento financeiro. Para ser realizado, o estudo contou com a participação de 298 influenciadores com mais de 50 anos, pelo menos 3 mil seguidores, redes sociais com conteúdo consistente por mais de 6 meses, sem foco em política ou assuntos polêmicos. Além disso, celebridades também foram excluídas.

    Continua depois do anúncio

    O perfil dos influenciadores maduros

    O estudo revela que o 30% dos influenciadores maduros consultados possuem entre 50 e 54 anos, seguidos por 55 a 59 (21%) e 60 a 64 (19%). A menor parcela ficou para a faixa etária de mais de 80 anos, com 3%. Dos respondentes, 84% se identificou como mulher e 16% homem.

    Dos mapeados, a maioria (60%) dos influenciadores estão localizados em São Paulo. Já quando o assunto é redes sociais, os criadores se dividem majoritariamente entre o Instagram (42%), Facebook (26%) e Youtube (16%). Em relação aos assuntos abordados, o tema mais reincidentes nos perfis são Longetividade (18%), seguidos de Lifestyle (15%), Moda (12%), Viagem (11%), Saúde (8%), Negócios (7%) e Lazer (5%).

    E a monetização?

    Por fim, um outro ponto importante realizado pelo estudo do Silver Makers demonstrou que não são poucos os desafios quando o assunto é a monetização dos perfis. Muitos deles responderam que já firmaram parcerias comerciais com marcas importantes. Por outro lado, falta continuidade nas parcerias para que os criadores possuam tração ao negócio e estrutura profissional que os ajude com as vendas. Além disso, a pesquisa reforça que falta a percepção das marcas sobre o tamanho da influência que eles exercem no público maduro.

    Inscreva-se para receber nossas notícias e novidades em seu e-mail e cancele quando quiser.

    Para conferir o estudo completo e alguns perfis de influenciadores maduros, basta clicar aqui.

    Publicidade

    Últimos stories

    Méqui 1000 ganha decoração...

    Entre uma das novidades, os consumidores vão poder conferir uma casquinha gigante de 8 metros de altura

    Cinemark terá novas sessões...

    Devido ao sucesso na reexibição, a Cinemark decidiu atender os fãs e repetir a dose de Harry Potter e a Pedra Filosofal nos cinemas

    Heineken lança promoção com...

    O cooler robô que segue o dono carregando as cervejas, BOT, da Heineken chegará ao Brasil através de uma promoção da marca que terá 12 ganhadores

    Casio apresenta relógio de...

    O lançamento chega com várias referências do jogo com a intenção de trazer um acessório divertido e retrô
    Publicidade

    🔥 Em alta agora:

    Lacoste lança coleção com Snoopy e a turma do Charlie Brown

    A nova coleção Lacoste x Peanuts está trazendo diversas peças de vestuário com os personagens que todo mundo ama já há muito tempo: Snoopy...

    GKPB Em Vídeo

    Publicidade

    Conecte-se

    64,273FãsCurtir
    117,660SeguidoresSeguir
    14,500InscritosInscrever
    Publicidade