Mais
    InícioPublicidadeAmbev seleciona Monja Coen como "embaixadora da moderação" e gera polêmica

    Ambev seleciona Monja Coen como “embaixadora da moderação” e gera polêmica

    Para conscientizar sobre a importância de maneirar no consumo de bebida alcoólica, a Ambev convidou a Monja Coen e ação não foi bem vista pelo público.

    Publicidade

    Nesta quinta-feira (12) a Ambev anunciou a Monja Coen, um dos maiores nomes ligados ao budismo no país, como “embaixadora da moderação”. De acordo com a marca, a monja irá atuar na cervejaria com a missão de falar sobre “limites e autoconhecimento”, promovendo saúde e limites do corpo sem falar sobre os produtos da empresa, mas a ideia não foi muito bem aceita pelo público e acabou gerando polêmica nas redes sociais.

    Como aponta a Uol, a parceria surge com o intuito de “estimular o consumo responsável por meio do autoconhecimento” já que Coen possui um objetivo em comum com a Ambev de “promover o equilíbrio e a moderação, tão necessários ao momento atual”.

    Continua depois do anúncio

    Acontece que o público realmente não foi muito na onda dessa união e as pessoas passaram a questionar o ato de uma monja se unir com uma fabricante de cerveja, um tipo de bebida que pode ser considerado como uma droga depressora (podendo levar ao vício e desestabilizar o usuário).

    Como ressalta a antropóloga do consumo Hilaine Yaccoub, a atitude não condiz muito bem com nenhuma das partes, visto que a companhia já é responsável por cerca de 20% do faturamento de cerveja e planeja investimentos em expansões para outas áreas do setor, que incluem vinhos e gin.

    A resposta da Ambev

    Em resposta ao portal Hypeness, quando questionada sobre essa ação com a Monja Coen, a Ambev explica que o “intuito desse projeto nunca foi vincular a imagem da monja com algum produto nosso ou incentivar o consumo, mas sim falar sobre consumo responsável através do autoconhecimento, que é chave pra moderação”.

    Inscreva-se para receber nossas novidades e cancele quando quiser.

    Continua depois do anúncio

    A marca explica que está com a meta de ajudar 2,5 milhões de brasileiros a reduzirem o consumo excessivo de álcool até 2022 e, para isso, além de contar com o auxílio da Monja Coen, também criou a Plataforma de Moderação, que você pode conferir clicando aqui.

    “Temos um objetivo em comum com a Monja Coen, que é o de promover o equilíbrio e a moderação, tão necessários no momento atual. As mensagens são de promoção da saúde, não abordam produtos ou marcas. Acreditamos que juntos podemos construir um mundo melhor para todos”, conclui a companhia.

    Publicidade

    GKPB Em Vídeo

    Publicidade
    Publicidade

    Conecte-se

    64,343FãsCurtir
    110,213SeguidoresSeguir
    14,500InscritosInscrever

    Para Você

    Publicidade