Mais
    InícioGeekGamesUbisoft está usando IA para ajudar a escrever diálogos em videogames

    Ubisoft está usando IA para ajudar a escrever diálogos em videogames

    A nova ferramenta Ghostwriter ajuda a gerar as partes mais simples e repetitivas dos NPCs

    EM GKPB.COM .BR

    Publicidade

    A Ubisoft, desenvolvedora de jogos como Assassin’s Creed, Far Cry e For Honor, revelou recentemente que está usando uma ferramenta de inteligência artificial (IA) para apoiar seus roteiristas na criação de diálogos para seus jogos em desenvolvimento. Chamada de Ubisoft Ghostwriter, a ferramenta não foi projetada para escrever completamente os diálogos, mas para gerar o primeiro rascunho do diálogo dos NPCs (personagens não-jogáveis) para economizar tempo dos roteiristas. Esses diálogos de NPC, também chamados de “latidos”, são frases ou sons feitos pelos personagens durante um evento desencadeado pelo jogador.

    Como por exemplo, ao jogar Call of Duty: Modern Warfare, tem aquele grito no fundo: “Granada!” ou até mesmo a Ellie em The Last of Us gritando para Joel: “Cuidado!” Essas linhas geralmente são acionadas por certas situações, se você for atingido por uma bala, acertar um tiro na cabeça ou passar por um lojista vendendo mercadorias, por exemplo. Esses tipos de linhas são fáceis de ignorar quando são bons, mas difíceis de ignorar quando são ruins.

    Continua depois do anúncio

    O criador do Ghostwriter, Ben Swanson, um cientista de P&D da Ubisoft La Forge, apresentou uma palestra GDC 2023 na terça-feira para falar sobre como a empresa está usando a ferramenta dentro dos jogos. “Ghostwriter não está substituindo o escritor de videogame, mas, em vez disso, aliviando uma das tarefas mais trabalhosas do escritor de videogame: escrever latidos”, escreveu a Ubisoft em um post de blog descrevendo a ferramenta.

    A editora do videogame anunciou a notícia por meio de um trailer detalhando os recursos do Ghostwriter. A empresa teve o cuidado de dizer que a ferramenta foi projetada para “economizar tempo dos roteiristas”, não para escrever totalmente o diálogo por conta própria. “Apresentando o Ubisoft Ghostwriter, uma ferramenta de IA desenvolvida internamente que visa apoiar nossos roteiristas gerando o primeiro rascunho de nossos latidos de NPC, as frases ou sons feitos por NPCs quando os jogadores interagem com o mundo do jogo”, disse a Ubisoft em um comunicado. “Esta ferramenta foi criada em conjunto com os roteiristas para criar interações NPC mais realistas, gerando variações em um diálogo.”

    A ferramenta Ghostwriter da Ubisoft é um exemplo de como a IA pode ser usada de maneira eficiente e ética para melhorar o processo de criação de jogos. A IA pode ajudar a economizar tempo e a aumentar a eficiência dos roteiristas e desenvolvedores, permitindo que eles se concentrem em outras áreas do desenvolvimento do jogo. Com a crescente demanda por jogos mais complexos e realistas, é provável que vejamos mais empresas de jogos usando ferramentas de IA para ajudar na criação de diálogos e outros elementos de jogabilidade no futuro.

    Inscreva-se para receber nossas notícias e novidades em seu e-mail e cancele quando quiser.

    A ferramenta da Ubisoft inevitavelmente fará parte da conversa que está acontecendo não apenas na indústria de videogames, mas na tecnologia como um todo. No final do ano passado, foi a ética dos programas de arte generativa de IA como DALL-E e Midjourney que dominou o debate sobre suas muitas questões, variando de roubo de arte a racismo. Essas questões ainda são controversas, mas o aplicativo ChatGPT da OpenAI ganhou destaque nos últimos meses.

    A OpenAI lançou seu modelo de linguagem AI mais poderoso até agora, o GPT-4, fácil de usar com seu aplicativo de chatbot ChatGPT. Ele pode fazer todo tipo de coisa, como gerar código e sentenças humanas extraídas de um enorme conjunto de dados. Esses tipos de ferramentas são novos e as pessoas estão apenas começando a considerar sua ética e legalidade.

    Conheça nosso podcast

    - Publicidade -

    Últimos stories

    Lançamento é parte do movimento da marca de sorvete em estar presente em novas ocasiões de consumo dos brasileiros

    Além do novo sabor de McShake, a rede de fast-food também traz novas opções

    A Coca-Cola K-Wave oferece um sabor em edição limitada e experiências que celebram os stans (como os fãs se intitulam) e sua devoção infinita aos artistas do K-Pop

    Com o lançamento, marca visa trazer a essência do Pingado de padaria para o conforto de casa

    🔥 Em alta agora:

    Kellogg’s lança novo Sucrilhos com 60% menos açúcares

    A marca Sucrilhos, da Kellanova (antiga Kellogg), apresenta uma nova versão do icônico cereal da caixa azul, agora com 60% menos açúcares e com...

    🔥 Em alta agora:

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade

    Conecte-se

    63,013FãsCurtir
    140,000SeguidoresSeguir
    16,600InscritosInscrever
    Publicidade